Orientação pos aplicação de vasinhos

Dr Alexandre Amato, cirurgião vascular, dá as orientações pós aplicação de vasinhos. Pós laser e pós escleroterapia. #nopainnovein

— transcrição
Olá sou Dr. Alexandre Amato, cirurgião vascular do Instituto Amato e hoje eu vou dar as orientações pós procedimento de aplicação de vasinhos. Se você fez o procedimento comigo você tem o meu contato. Se tiver qualquer dúvida pode mandar mensagem pode mandar foto que eu vou ajudar no que for necessário. Se você não tiver feito comigo siga as orientações do seu médico as minhas orientações podem ser um pouquinho diferentes por causa das técnicas que eu utilizo e a maneira como ela é aplicada. Então vamos lá. Caso você tenha feito o procedimento com sedação consciente que a técnica Annox, a máscara com gás para não sentir nenhuma dor, e não ter medo das agulhas, pode ficar tranquila que após cinco minutos do procedimento 95% do óxido nitroso já saiu do seu corpo e ele não deixa sonolência e não deixa nenhum efeito colateral. Então com relação à sedação pode ficar tranquila que não muda nada no pós procedimento. Com relação aos curativos caso tenha sido feito curativos nem todos os casos são necessários mas caso tenham curativos eles podem ser retirados no mesmo dia. No final do dia pode ser no banho para deixar o curativo bem molhadinho e tirar sem causar dor ou incômodo ou pode ser retirado no dia seguinte. No começo do dia caso tenha sido prescrito medicamento via oral ou uma pomada ou creme siga as orientações que foram prescritas e estão na receita se tiver qualquer dúvida é só mandar mensagem. Normalmente é prescrita uma medicação via oral e um creme com intuito de baixar a possibilidade de inflamação que é uma das possíveis causas de uma mancha . Então diminuindo a inflamação com o uso da medicação de forma adequada. A gente diminui a possibilidade de formação de uma mancha. Caso tenha sido feita a técnica com laser é muito raro hoje em dia mas ainda pode acontecer a formação de pequenas crostas ou casquinha no local do laser. Caso isso ocorra novamente não é frequente mas caso ocorra não cutuque, não tire essa casquinha não não raspe ou coce porque isso pode deixar uma cicatriz indesejada. Normalmente o sol não influencia no tratamento. Agora se ficar muito bronzeada a tonalidade da pele mudar bastante. Isso pode acabar influenciando na potência do laser que eu consigo aplicar sendo necessário colocar potências menores para que o laser atravesse o pigmento e chegue no vaso. Então a sugestão é que não fique muito bronzeada enquanto estiver fazendo o tratamento. Agora se formarem hematomas, roxos, Evite o sol também para não formar manchas. Agora uma solução para isso é o uso de um protetor solar fator 50 para cima. Caso forme roxos, hematomas, equimoses pode ficar tranquilo que isso sai, não é nada para se preocupar. Possivelmente um extravasamento de sangue no momento em que o laser atingiu o vaso ou que a aplicação de agulha deixou extravasar um pouquinho de sangue para o tecido subcutâneo ou para a pele para a derme. Isso vai ser absorvido. Seu corpo foi feito de uma maneira que ele é capaz de reabsorver esses hematomas. Agora o que a gente pode fazer? Compressa morna no local três a quatro vezes ao dia acelera o processo de reabsorção desse hematoma. Além de diminuir o processo inflamatório então a compressa morna muitas vezes associada com o hiruoid pode fazer essa reabsorção seja muito mais rápida e que haja um desaparecimento dessa mancha muito mais rápida. Agora com relação ao uso de meia: nem sempre é necessário o uso de meias no tratamento dos vasinhos mas em alguns casos pode ser orientado principalmente quando são veias maiores e ou no uso de outras técnicas como a técnica de espuma por exemplo. Se for indicada meia elástica o cirurgião vascular vai indicar a meia correta para o uso e aí a maneira de utilizar é a seguinte: coloca de manhã, tira a noite, durante a noite não há necessidade do uso da meia elástica. Mas aí é necessário que coloque um calço no pé da cama e eleve o pé de forma que as pernas fiquem mais elevadas do que o coração enquanto está deitado. Novamente: a meia elástica não é necessária para todos os casos. Com relação à velocidade do tratamento nós fazemos normalmente em três sessões espaçadas por três semanas entre elas. As três semanas são necessárias para que passe toda a informação que o vaso seja reabsorvido que ele suma, de tempo pro corpo para o corpo para ele se recuperar. É possível fazer com menos tempo assim como também é possível fazer com mais tempo. A questão é se a gente fizer com menos do que três semanas. Às vezes a gente acaba disparando o laser num vaso em que era só esperar mais um pouquinho e que ele ia desaparecer naturalmente. E se a gente espera muito tempo. Às vezes a gente dá tempo para novos vasos se formarem então três semanas é o ideal caso não seja possível por alguma situação particular converse comigo. ……..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *