Anquilose: rigidez de uma articulação

A rigidez de uma articulação pode ser causa de problemas vasculares. Dr Alexandre Amato, cirurgião vascular do instituto amato (www.amato.com.br) explica a anquilose tibio tarsica que impede o bombeamento venoso.

— transcrição —

Olá, sou Dr. Alexandre Amato, cirurgião vascular do Instituto Amato, e hoje eu vou falar sobre anquilose tibio társica que é uma limitação da articulação do pé. Na movimentação da articulação do pé. Essa anquilose limita a angulação dessa articulação de modo que pode haver uma falha e uma diminuição da eficácia da bomba da panturrilha da musculatura da panturrilha para bombear o sangue de volta para cima. Então essa articulação ela é crucial ela é extremamente importante para ter essa bomba funcionando e o sistema circulatório também. Então para quem tem essa limitação e essa limitação pode acontecer por feridas, úlceras ou mesmo o uso por muito tempo… Prolongado de salto alto, o próprio salto alto limita essa articulação ou a idade pode ter uma certa limitação e vai perdendo gradativamente a eficácia dessa bomba. Até o momento que esse é associado a uma doença venosa isso pode aparecer de uma forma muito pior como uma úlcera venosa ou uma dermatite ocre ou algo mais grave. Então não só exercitar a panturrilha para manter a musculatura forte e eficaz mas também liberar essa articulação. Então o exercício passivo é alguém empurrando o pé para trás e puxando para frente aumentando essa amplitude de movimento ou o exercício numa escada de levantar e abaixar os pés. Tudo isso vai recuperando essa amplitude de movimento. Como existem vários exercícios diferentes para retomar essa articulação é necessário buscar um educador físico que vai te ajudar nessa liberação da articulação principalmente para quem não tem doença. O educador físico pode ajudar bastante. Mas para quem já tem um comprometimento significativo com sintoma, comprometimento talvez associado com uma insuficiência venosa. O fisioterapeuta também pode ajudar bastante então é necessário fazer um acompanhamento multiprofissional nesses casos para ter um melhor resultado. Gostou do nosso vídeo? Assine nosso canal! Compartilhe! Clique aqui no Sininho, e até o próximo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *